Além de não poluírem o meio ambiente, os painéis solares contam com outro ótimo benefício: a economia na manutenção.

A poluição e a poeira são os principais fatores que podem diminuir a geração de energia pelas placas, pois a sujeira dificulta que a luz solar atinja as células fotovoltaicas. Por isso, recomenda-se que a limpeza seja feita anualmente e, em locais com pouca incidência de chuva ou muita poluição e poeira, a cada 6 meses.

É importante ressaltar que produtos químicos, jatos fortes, objetos metálicos e pontudos não podem ser usados na limpeza, já que quaisquer riscos podem interferir na produção de energia. As folhas e fezes de pássaros também são prejudiciais.

Para manter o bom funcionamento dos painéis solares é preciso ficar atento a alguns tipos de manutenção:

Manutenção preditiva: observe as placas e confira se há manchas, arranhões, rachaduras ou até mesmo partes quebradas. Não se esqueça de acompanhar o desempenho de todo o sistema.

Manutenção preventiva: a limpeza ajuda a prevenir que a vida útil dos painéis diminua. Não deixe de fazê-la!

Manutenção corretiva: caso os painéis não estejam alcançando bom desempenho mesmo depois de limpos, acione uma assistência técnica para identificar e consertar o problema.

DICA: a água da chuva ajuda a limpar as placas!

Viu só como é fácil e econômico fazer a manutenção dos painéis solares?